segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Na loja de flores

Imagem: http://www.indiosonline
Na loja de flores
A mulher caminhava por um centro comercial quando reparou
no cartaz: uma nova loja de flores. Ao entrar, levou um susto;
não viu nenhum vaso, nenhum arranjo, mas era Deus, em pessoa,
que estava atendendo no balcão.
Pode pedir o que quiser - disse Deus .
Quero ser feliz. Quero paz, dinheiro, capacidade de ser compreendida.
Quero ir para o céu quando morrer. E quero que tudo isto seja também concedido aos meus amigos.
Deus abriu alguns potes que estavam na prateleira atrás dele, tirou vários grãos de dentro, e estendeu para a mulher.
– Aí estão as sementes - disse.
– Comece a plantá-las, porque aqui nós não vendemos os frutos.
Guerreiro da Luz Online - Paulo Coelho.

3 comentários:

Aline Souza disse...

Olá Walkiria! Obrigada pelo comentário. Adorei seu blog, já até virei uma seguidora. É muito bom encontrar um cantinho aonde se encontre boas mensagens para reflexão. Parabéns. Abraços!

Aione Leão disse...

Adoro Paulo Coelho!!!
Muito bom esse texto!
As pessoas QUEREM muito,
mas esquecem de fazer por merecer,
batalhar e construir.
Xeru maezinha, te amuuu!

Cintia Caldas disse...

Oi Walkiria!
Seu blog é o máximo!...
Parece que gostamos das mesmas coisas,bordados e livros.
Estou colocando você nos meus favoritos.
Obrigada pelo prêmio.
Abraços
Cintia